Auto-me-ajuda!

01dez10

E aí que eu tinha um cabelo curto de um lado e comprido do outro. Me inspirei na Alice Dellal e naquela beleza punk charmosa dela. Talvez tenham me faltado os olhos verdes.

Não consegui lidar com aquela assimetria sem transição. Bruscamente o  lado esquerdo “Vitor”, versus o direito: “Vitória”. O Pior é que esses lados brigavam feio, e haviam dias (muitos) que um lado respondia de maneira completamente diferente do outro.

Resolvi cortar.

Quando cheguei ao salão tive certeza de que estava fazendo a coisa certa. Haviam QUATRO meninas com esse corte, num salão que tinham no máximo 50 pessoas. Então, se o salão for meu espaço amostral, quase 10% das pessoas da cidade de São Paulo têm esse corte, haha!

E a verdade é a seguinte: todas nós queríamos ser descoladas, haha, me achei ridícula.

Nem Vitor nem Vitória, agora o nome do corte é João.

Mas do mezanino, na espera eterna de um cabelereiro sem lembranças, vejo  uma  menina que também está cortando “lado sim lado não”. Ela era demais: a cada três tesouradas ela pedia para ver o corte, cerrava os olhos, fazia biquinho e batia cabelo mesmo com o cara cortando. Tipo capa de revista.

Tipo capa de revista: feche um pouco os olhos, finja que há um lápis entre os lábios.

Por que ela estava fazendo aquilo? Será que pensava no que o gato (ou gata) dela iria dizer quando a visse, nas meninas que a achariam muito mais maneira, ou ela só estaria se achando muito gata mesmo?

Preferi achar que ao invés de seduzir o mundo ela estava  seduzindo só a si. O resto é lucro.

Essa frase é total Comer, rezar e amar, mas VOCÊ, mulher pós-moderna contemporânea com tripla jornada e essas coisas, deve saber da dificuldade  de se achar foda.

Como faz para ser assim?

Quase perguntei, porque análise tá cara demais.

Anúncios


2 Responses to “Auto-me-ajuda!”

  1. 1 livinha

    MOEMA!
    vc cortou?
    ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

    • Minha reação foi a mesma mas curti!
      Meminha, esse texto foi um pouco daquilo que conversamos, né?!
      Sem terapias e sim, cortes de cabelos mensais!
      Boto fé!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: